Como chegar ao Río de La Plata, no Uruguai

by - dezembro 16, 2017


Nunca imaginei que um rio pudesse ser tão agitado e tão grande. O Río de La Plata é não só uma das coisas mais lindas de se ver no Uruguai, como também um dos maiores cartões postais do país.





O nome do rio se refere à Sierra de Plata, que foi descoberta por Aleixo Garcia, Sebastião CAboto e outros desbravadores que percorreram os rios da Prata, Paraná, Paraguai e Uruguai. Durante a expedição, Sebastião Caboto encontrou índios que acompanhavam Aleixo Garcia carregando prata que conseguiram durante a viagem, então Caboto deduziu que naquela região havia muita prata, daí denominaram o rio de Rio de La Plata.
E vale destacar que o rio, na verdade, é um estuário, ou seja, um ambiente aquático de transição entre um rio e o mar e o maior do mundo.

Se você estiver em Montevidéu é muito fácil conhecer o Río de La Plata, porque a cidade fica praticamente em frente ao rio. A avenida principal da cidade, a Avenida 18 de Julio, é perpendicular às ruas que dão para o litoral então, descendo pelas ruas próximas à Praça da Independência, por exemplo, mas não é difícil.
Também é possível fazer o caminho pela orla do rio (chamada "rambla"), que é uma espécie de orla em frente ao mar mesmo. Qualquer ônibus ou rua que dê pra essa orla te leva ao pontos estratégicos pra conhecer o rio.

Como o Rio de La Plata é tido como um verdadeiro mar no Uruguai, passear pela orla (rambla) é uma espécie de passeio à beira mar mesmo. Há muitos prédios residenciais, espaço para prática de esporte, ciclovia e calçada à "beira-rio", então é um passeio bem agradável pra se fazer (exceto pelo vento forte e pelo frio, dependendo da época do ano que você vai).

Dá pra praticar esporte também. Caminhada, pedalar ou corrida são algumas das opções, até surf também (sim, tem onda pra surf no Rio de La Plata).

Outra coisa legal é tirar aquela foto de turista na famosa placa de Montevideo. Ela fica em frente ao rio, na orla, e é bem disputada por quem visita a cidade.

Como o rio é enorme, acaba ficando próximo de vários pontos turísticos de Montevideo, como a placa "Montevideo", por exemplo. Também fica perto do shopping Punta Carretas (multimarcas) e do Mercado do Porto.

Quando disse que o rio fica perto de vários pontos turísticos da cidade, não quis dizer que dá pra fazer o trajeto a pé. Sim, porque fica próximo, mas dependendo do ponto em que você está, vai precisar andar um bom pedaço até chegar à rambla. O ideal é checar no mapa mesmo para não ter erro.

Vá preparado pra passar um friozinho e muito vento também, porque parece que estamos à beira-mar quando estamos passeando pela rambla.

O pôr do sol é lindo visto da rambla, então vale a pena esperar pra ver. A cidade não é super badalada, mas é seguro andar pela orla ao entardecer (mas, como bons turistas, é preciso tomar cuidado sempre, não é?).

Sim, gostei demais de conhecer o Rio de La Plata e bem ali, no centro de Montevidéu! A sensação que tive era que estava diante de um verdadeiro oceano marrom, com ondas e navios no horizonte. Conhecer esse rio é se deparar com uma imensidão natural, histórica e marcante do Uruguai e isso deixa nosso passeio pelo país ainda mais especial.
Mamma.. <3

E você? Já foi à rambla do Rio de La Plata? Sim? Então conte aqui pra gente como foi!
Até o próximo post!

Já viu esses posts?

0 comentários