Conheça Moray, um dos muitos sítios arqueológicos em Cusco, no Peru

Moray é um dos muitos sítios arqueológicos em Cusco que possui vários terraços construídos na época dos incas e uma das paradas que os turistas fazem ao visitar o povoado de Maras, também na cidade de Cusco.



Moray é um sítio arqueológico em Cusco, no Peru, que contém diversos indícios dos incas, dentre eles, os famosos terraços, as depressões circulares que possuem aproximadamente 30m de profundidade. Embora o local sogra intervenções no clima e passe por problemas financeiros de manutenção por parte do governo, milhares de turistas ainda visitam a região, o que faz com que, de alguma forma, a história e a cultura peruana ainda persistam.

O mais indicado para chegar a Moray é contratar o passeio em uma das muitas agências de turismo de Cusco. Eu fiz com a Qori Inka Travel, que fica no centro de Cusco (em uma galeria quase em frente à Municipalidad del Cusco). A agência possui excelente atendimento e bastante paciente em nos esclarecer as dúvidas que tínhamos, minha amiga e eu, sobre os passeios turísticos que gostaríamos de fazer.
Levamos aproximadamente 1h para chegarmos lá, saindo de Chinchero (clique aqui para ver o post sobre esse passeio em Cusco).

Os passeios turísticos em Cusco e em seus arredores são ótimas oportunidades para conhecermos a cultura e a história do povo peruano, então aproveite bastante para ouvir os relatos e informações dos guias turísticos que estão em todos os locais visitados pelos turistas.

Para chegar a Moray é necessário pegar a estrada de chão e poeira na cidade de Maras e, no trajeto, já dá pra vermos parte da Cordilheira dos Andes bem ao longe, com seus picos cobertos de neve, lindos. Então aproveite pra apreciar a paisagem exuberante e tirar muitas fotos.

Chegando em Moray podemos conhecer os terraços, as construções cavadas no chão que serviam de abrigo e cultivo de alimentos para os povos incas. Dá pra tirar fotos, fazer vídeos e curtir o espaço, rodeado por montanhas e em solo seco e empoeirado. Uma espécie de oásis alimentício no meio do deserto (que não é deserto).

Também é possível chegar bem perto dos terraços, porém não é permitida a descida até o primeiro nível dos terraços, por motivos conservação histórica e cultural da região, é claro.
Como estávamos em grupo de turismo, o tempo para visita foi estipulado pela agência, mas percebi que levamos de 2h a 3h desde a chegada ao local.

Vá a Moray com calçados confortáveis e roupas leves, mas vale a pena conferir a previsão do tempo para se ter uma noção de que tipo de agasalho você deve usar. Quando eu fui estava muito calor, então não havia necessidade de casacos pesados para o frio, o que dificultou um pouquinho caminhar com casaco debaixo do forte sol.

Fique atento a seu grupo! Sempre vale a pena guardar a fisionomia ou algum detalhe de algum membro de seu grupo turístico em passeios ao ar livre, pois a chance de se perder por querer tirar muitas fotos ou mesmo se distrair com alguma atração no lugar é grande. Isto atrasa o retorno ao transporte do grupo, além de transtornos relacionados a isto.

Aproveite a (possível) parada na loja de produtos de sal, tempero e artigos culturais para comprar algumas lembrancinhas ou até mesmo adquirir para você mesmo alguns itens típicos da região, como os diversos tipos de sal, chocolates e chapéus.
Moray foi um dos lugares que gostei de conhecer no Peru, porém não foi o meu favorito. Foi um passeio um tanto que rápido e sem muita opção de atividade no lugar a não ser apreciar os terraços e ouvir a história da região, o que é bem valioso, é claro. O que quero dizer é que não é um lugar em que seja possível fazer muitas coisas a não ser essas que mencionei, mas vale a pena conhecer, sim. é uma boa oportunidade de conhecer a história e a cultura peruana e, a cada passeio que fazemos, percebemos como o povo do Peru valoriza sua história e faz questão de contá-la a quem a visita. Atitude muito bonita e exemplar!
Amiga Jacque de viagens pelo Peru.. :)

E você? Já foi a Moray? Sim? Então conte aqui pra gente como foi!

Até o próximo post!

Postar um comentário

Dúvidas de viagem? Quer falar de sua experiência de aventura em viagem? Sugestões para o blog? Deixe um comentário aqui! :)

My Instagram

Designed by OddThemes | Distributed by Blogger Themes